A construção do Mosteiro Preciosíssimo Sangue

Isto diz o Senhor dos exércitos: Sacudirei todos os povos, e começarão a chegar tesouros de todos as nações, hei de encher de esplendor esta casa, diz o Senhor dos exércitos. O esplendor desta nova casa será maior que a da primeira, diz o Senhor dos exércitos; e neste lugar, estabelecerei a paz, diz o Senhor dos exércitos.” (Ag 6ª. 7. 9) 

Quem se dispor a juntar-se a nós na edificação desta casa de oração, saiba: você está fazendo parte de uma história de fé! Todavia seria bom conhecer um pouquinho sobre os movimentos da providência divina no desenrolar do contexto histórico dessa construção, vamos lá…

O trecho bíblico citado acima foi a confirmação de uma moção do Espírito Santo que as irmãs do Mosteiro tiveram; no dia 6 de novembro de 2020, durante o estudo do Documento da Igreja 46 chamado Cor Orans, perceberam à luz da graça que Deus as impeliam a construir um Mosteiro. O que as fez olharem com seriedade e aprofundarem no diálogo com os superiores.

Alguns dias depois, exatamente no dia 9 de novembro (Festa da Dedicação da Basílica de Latrão) enquanto rezavam a hora Noa, foi lida como leitura breve esta profecia de Ageu; Deus não precisava ser mais claro! A partir de então começaram a recorrer ao Amado e Glorioso São José e para a honra e glória de Deus, no dia 8 de dezembro do mesmo ano o Santo Padre, o Papa Francisco declara como temática na Igreja o “Ano de São José” (por ocasião do 150º Aniversário da declaração de São José como padroeiro Universal da Igreja). Outro fato muitíssimo especial: no ano de 2014 o nosso Instituto viveu o ano dedicado a São José, e justo neste ano chegamos na diocese de Jacarezinho. E para nossa surpresa, ao chegarmos descobrimos que o Bispo Dom Antônio Braz Benevente rezava a São José pedindo que viesse um Mosteiro para sua diocese, pois como fiel devoto de São José o seu pedido foi atendido. Quanta graça!

Tudo isso foi acontecendo de forma muito simples, Deus é assim “simples e descomplicado”.

Chegaram então as primeiras irmãs, que eram 6 e ficaram morando com o Bispo, logo mudaram para um antigo colégio que fica no centro da cidade (onde as irmãs se encontram atualmente) é interessante ressaltar que antes de morarem no colégio, ficaram três anos em uma casa (no mesmo espaço) que o Bispo chama de “favelinha” enquanto esperávamos a reforma do prédio.

Com o passar do tempo o espaço foi-se tornando pequeno, o número de irmãs cada ano crescem, também pelo fato do Mosteiro estar localizado no centro da cidade, torna-se inadequado para o estilo de vida que abraçamos, uma vez que o local não tem sido planejado para esta finalidade. Começando então a ver a necessidade de ter um Mosteiro retirado e que comportasse pelo menos trinta irmãs. É claro, apresentamos tudo a Deus para vermos qual a Sua vontade! E as coisas foram tomando rumo, em comunhão com nosso prelado local, fomos amadurecendo a ideia e, como a Obra é de Deus, Ele mesmo vai chamando operários para a Sua vinha, já “não” havia forma mais clara de Deus revelar o Seu querer: o Padre Rogério de Azevedo Silva (diocese de Jacarezinho) se dispôs a nos ajudar e nos disse: vou conseguir esse terreno! Graças a sua dedicação e amor ao chamamento divino, conseguimos o terreno, no dia 13 de janeiro de 2021, doação feita por um casal.

Deus tem pressa! Como não contemplar e se alegrar com todas estas coisas que inexplicavelmente foram acontecendo? Logo o Padre Alex de oliveira Nogueira (diocese de Jacarezinho) também abraça essa missão e assim fomos sendo cercadas como diz o salmista; “de carinho e proteção”. Quando há disposição da alma para a construção do Reino, logo este se expande, quantas pessoas generosas Deus tem chamado! Em tudo isso contemplamos verdadeiros milagres: arcar com a construção e muito menos sabíamos o que fazer para que isso acontecesse, mas a obra é de Deus e Ele mesmo se encarrega de tudo, somos somente colaboradores na missão. A saber, este Mosteiro está sob o patrocínio de São José.

Somos gratas a Jesus o Sumo Bem e a São José que estão à frente desta construção. As irmãs que moram e morarão neste Mosteiro, sendo filhas da Santa Igreja de Cristo se consumirão como “hostiazinhas” pelos seus membros e a exemplo do pai nutrício de Jesus, colocarão o Verbo nos braços da humanidade através da oração.

Assista os vídeos

Deus abençoe!